Apresentação do Cercomp

By Leonardo Rodrigues

HISTÓRICO

O Centro de Processamento de Dados, o CPD, foi criado em 1974 na Escola de Engenharia com a finalidade de auxiliar os alunos do curso de Engenharia nos projetos e cálculos utilizando o computador IBM-1130. Gradativamente sua função foi ampliada para atender à administração da Universidade, inicialmente com a Folha de Pagamento, Contabilidade e o controle de Patrimônio e de Material, entre outros trabalhos.

Com a criação do curso de Ciências da Computação, na década de 80, surge a necessidade de adquirir um computador para atender a área acadêmica. A universidade adquiriu então um mainframe ABC-Bull, o qual foi instalado no Campus II, no Instituto de Matemática e Física - IMF-I . O CPD foi então transferido para este prédio. Os sistemas administrativos foram migrados e ampliados para a nova plataforma com significativa melhoria de performance.

Já na década de 90 ocorreu a expansão dos terminais do CPD para 80 pontos da UFG, inclusive os Campi Avançados, através de linhas telefônicas dedicadas. Nessa época, começou a haver redução do número de funcionários do Centro.

Foi criada a rede de dados da UFG, a UFGNET entre os anos de 1996 e 1997.

Em 1998 o CPD foi transformado em CIT – Centro de Informação e Teleprocessamento. Iniciou-se também o processo de migração dos sistemas para uma plataforma cliente-servidor.

Na virada do milênio, a plataforma de dados e de sistemas mudou definitivamente do Mainframe ABC Bull para o ambiente cliente-servidor usando ORACLE.

Em 2004 iniciou-se a criação e migração de sistemas para plataforma Web.

Em 2006, começou o processo para integrar o CIT com as equipes que trabalhavam na UFGNET em um único Centro, o CERCOMP.

 

CENÁRIO ATUAL

Atualmente, o Centro de Recursos Computacionais é um órgão vinculado à Secretaria de TI (SETI), juntamente com a Divisão de Telefonia (DTEL) e o Centro de Informação, Documentação e Arquivo (CIDARQ). O CERCOMP divide-se em duas Unidades (Campus I e Campus II) e em várias equipes de trabalho. A maior parte delas atua na sede do órgão, localizada no Campus II. A segunda unidade fica no Campus I, dentro da Escola de Engenharia Elétrica, Mecânica e de Computação (EMC), em um prédio anexo.

As equipes de trabalho são divididas em:

-Equipe de Serviços, da qual fazem a parte ainda a Equipe de Suporte, o Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) e a Comissão de Contratação de TI; 

-Equipe de Infraestrutura; 

-Equipe de Sistemas, subdivida em Coordenações;

-Escritório de Gestão; 

-Secretaria Administrativa

No seu quadro de pessoal estão cerca de 80 pessoas, dentre servidores, colaboradores e estagiários. A Direção do órgão está a cargo dos técnicos administrativos Igor Rodrigues Vieira e seu substituto, Jean Teixeira Lima.

 

OBJETIVOS

-Implementar a Política de Tecnologia da Informação (TI) da UFG, aprovada pelo Conselho Universitário;

-Administrar a infraestrutura de TI da UFG e, em particular, a da rede de dados da UFG, tanto no seu âmbito interno como externo;

-Informatizar processos organizacionais da UFG, de forma a promover uma execução eficaz e eficiente do trabalho de funcionários, professores e alunos;

-Projetar, desenvolver e manter sistemas computacionais corporativos de acordo com as necessidades da UFG;

-Elaborar e executar o seu planejamento estratégico de TI de forma a atender a política de TI da UFG;

-Coordenar o processo de aquisição de produtos e serviços de TI na UFG;

-Estudar, promover, implementar e divulgar novos recursos de Tecnologia da Informação que contribuam para a melhoria geral das atividades da UFG;

-Assessorar e capacitar os colaboradores dos órgãos administrativos, das unidades acadêmicas e dos campi do interior da UFG no uso adequado de seus recursos de TI.

Veja aqui a resolução do Consuni que oficializa a criação do CERCOMP.

 

ORGANOGRAMA

Organograma CERCOMP